sábado, setembro 26, 2020
17.9 C
São Paulo

Ryan Dungey anuncia sua aposentadoria

Ryan Dungey anunciou sua aposentadoria durante uma conferência no Angel Stadium em Anaheim, na Califórnia. Ele não competirá na Lucas Oil Pro Motocross Championship e não renovará seu contrato para 2018.

Dungey admitiu que está em sua melhor fase da sua vida e o seu equipamento e moto são totalmente eficazes. Apesar disso, pela primeira vez, ele colocou a mão na consciência sobre sua participação nas corridas e disse que seu coração não estava tão presente como era antes. Assista a conferência completa aqui.

Ryan Dungey anuncia sua aposentadoria. Veja o que ele disse:

“É difícil de acreditar que esse dia chegou. Mas após pensar muito e rezar bastante nos últimos meses, decidi anunciar minha aposentadoria das pistas de Supercross e Motocross. A decisão não foi fácil. Eu alcancei mais do que eu poderia imaginar ou sonhar e, por tudo isso, sou incrivelmente grato e honrado. Dei o meu melhor e por mais tempo que pude, mas a realidade é que o esporte é difícil. As temporadas são longas e isso precisa de muito sacrifício, trabalho duro e disciplina para ficar entre os primeiros. Fisicamente, sinto que estou na minha melhor fase da vida e tenho o equipamento para vencer. Entretanto, estava num impasse na minha mente. Sempre corri porque amo isso e sempre quis vencer. Mas essa temporada foi diferente para mim. Colocar a minha cabeça no jogo em todas as semanas não era a mesma coisa e não conseguia manter o foco como antigamente. Nunca pensei que chegaria a um lugar onde eu teria que conversar comigo mesmo. Colocar minha mão na consciência, antes de começar uma corrida, mas isso aconteceu comigo. E a verdade é que esse fator me incomoda demais. Eu conseguia pegar um pagamento e competir para ganhar, mas isso não é algo que eu faço mais e não é como eu gostaria de correr ou ser lembrado. Eu disse no pódio em  Las Vegas que a vitória foi muito significativa de todos os meus títulos do Supercross porque a verdade é que eu tive que dar o máximo de mim. Não necessariamente por causa das brigas na pista, apesar de terem sido complicadas e ótimas, mas porque eu tive que me forçar o máximo que podia como eu nunca havia feito. E chegar ao topo e ganhar o título do campeonato pelo terceiro ano consecutivo foi algo incrível que eu estou muito orgulhoso. Eu amo correr e amo o esporte, mas sinto em meu coração que eu estou pronto para sair – feliz, saudável e totalmente grato. Consegui alcançar tudo o que queria e muito mais. Apesar de sair das pistas, ainda quero estar envolvido com o esporte. Desejo continuar tentando melhorá-lo de uma forma que consiga fazer. O esporte me abençoou e eu vou ser para sempre grato pelas memórias que tenho e pelas amizades ao longo desta jornada. Como este capítulo da minha vida chega ao fim, estou muito animado em ver o que o próximo capítulo tem reservado para mim”, disse o piloto.
Homenagem

A Fox Racing fez uma homenagem a Dungey e mandou uma mensagem dizendo que as ações dele, dentro e fora das pistas, sempre motivaram a equipe a conquistar os melhores resultados juntos. “Você tem sido uma força positiva no Motocross. Em toda a sua carreira, você sempre foi dedicado, humilde e muito focado. Mas, de agora em diante, você sempre será uma lenda. Parabéns pela sua carreira incrível”, afirmou a equipe.

 

Com informações do Transworld Motocross e do Racer X Online.

As mais lidas...

close